Poderes

Organização Pan-Americana de Saúde alerta: covid-19 se alastra com muito mais força

Nível de disseminação é o mais grave desde o início da pandemia em março de 2020

Teste positivos para Covid-19 dobraram em 24h em Teresina

Teste positivos para Covid-19 dobraram em 24h em Teresina Foto: FMS

Diretora da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), Carissa Etienne alertou nesta quarta-feira para a rápida disseminação do vírus da covid-19 pelas Américas, no nível mais forte visto desde o início da pandemia. Durante entrevista coletiva virtual, ela disse que houve na última semana quase 7,2 milhões de novos casos confirmados relacionados à doença, com mais de 15 mil mortes.

Há uma aceleração nos novos registros da doença em vários países da região, inclusive no Brasil, notou Etienne.

Os casos aceleram também na Colômbia, Peru e Bolívia, mencionou. Nos Estados Unidos e no Canadá acontece um "salto" nas hospitalizações por covid-19, destacou, complementando que as hospitalizações também aumentam em Argentina, Paraguai e Uruguai

No Caribe, o salto nos casos é o maior na pandemia, disse ela. Nesse contexto, a autoridade reforçou a necessidade de se atuar para proteger o sistema de saúde.

A Opas lembrou que a vacina reduz a chance de desfechos graves e, consequentemente, a pressão sobre os serviços de saúde, e também defendeu medidas como o uso de máscaras, a lavagem de mãos, a disponibilidade de testes e o distanciamento físico para evitar a disseminação do vírus.

Fonte: OPAS / Estadão Conteúdo

Dê sua opinião: