Poderes

Brasil expande parcerias com Banco Asiático de Investimento em Infraestrura

Segundo o ministro Wellington Dias, é fundamental para o Brasil esse tipo de integração econômica e cooperação com bancos de desenvolvimento

Comitiva brasileira em Pequim

Comitiva brasileira em Pequim Foto: Neblina Orrico/ MDS

Para acelerar e dimensionar as ações contra as mudanças climáticas, o governo brasileiro e o Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (AIIB) se comprometeram a incrementar as parcerias de desenvolvimento sustentável.


O ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias, participou, junto com a comitiva brasileira liderada pelo vice-presidente Geraldo Alckmin, de um encontro com a direção do Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura em Pequim, na China.


Segundo Wellington Dias, é fundamental para o Brasil esse tipo de integração econômica e cooperação com bancos de desenvolvimento, como o AIIB.


O vice-presidente, Geraldo Alckmin, destacou a importância da parceria do banco com o governo brasileiro para o desenvolvimento inclusivo, redução da pobreza, sustentabilidade e preservação da Amazônia. O vice-presidente destacou em especial a parceria firmada para os investimentos na reconstrução do Rio Grande do Sul, cuja infraestrutura foi abalada pelos desastres causados pelas chuvas.


O presidente do banco asiático, Jin Liqun, disse que o AIIB está empenhado em apoiar o Brasil na construção de infraestrutura resilientes e sustentáveis para a ajudar a minimizar o impacto humano, social e econômico de desastres naturais que estão cada vez mais frequentes por conta das mudanças climáticas.


Durante a reunião com a diretoria do banco, o ministro Wellington Dias destacou a importância de parcerias como a firmada com a AIIB para a melhoria da infraestrutura e da logística brasileira e apresentou as experiências do Brasil no manejo de agroflorestas produtivas, principalmente na região Norte, com a produção do açaí, do cacau, do guaraná, da castanha e de plantas medicinais.


“Na agenda com a direção do Banco de Investimento em Infraestrutura tive a oportunidade de apresentar algumas experiências brasileiras na área de agricultura sustentável e testemunhar a celebração de importantes parcerias que beneficiarão o Rio Grande do Sul e também os investimentos em infraestrutura por meio do BNDES”, afirmou.


Em um painel de discussão, tanto o governo brasileiro quanto os representantes do banco destacaram o forte alinhamento entre a visão do Brasil e o foco estratégico do AIIB no que diz respeito ao desenvolvimento sustentável.


O banco e o governo brasileiro assinaram um memorando de entendimento específico sobre o investimento em infraestrutura no Rio Grande do Sul. O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o AIIB assinaram uma Carta de Intenções para facilitar a colaboração entre as instituições em programas para infraestrutura verde e sustentável.


Cobertura completa:

Brasil e China intensificam intercâmbio para modernização da agricultura familiar

Em Seminário na China, ministro Wellington Dias destaca fatores econômicos e sociais que retiraram 24,4 milhões da fome em 2023

Agricultura familiar é instrumento importante de combate à fome, afirma Wellington Dias

Primeiro dia de agenda na China tem seminário e encontro com Dilma Rousseff

Wellington Dias apresenta experiência brasileira de combate à fome em Seminário na China

Comitiva brasileira participa de audiência com presidente Xi JinPing no Palácio do Povo

Fonte: MDS

Dê sua opinião: