Poderes

Wellington Dias teria criticado João Doria sobre aplicação da primeira dose da vacina

Insatisfação teria surgido pelo fato do governador do estado de São Paulo, João Doria, ter antecipado a vacinação no estado, colocando os demais estados "como de segunda categoria"

Governador Wellington Dias (PT) durante entrega das primeiras doses da vacina Coronavac

Governador Wellington Dias (PT) durante entrega das primeiras doses da vacina Coronavac Foto: Reprodução

O governador Wellington Dias (PT) se mostrou insatisfeito com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), por ter aplicado a primeira vacina Coronavac no domingo (17), logo após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizar o uso emergencial do imunizante. 

Em um grupo de WhatsApp, o governador Wellington Dias, que preside o Fórum de Governadores, e o Consórcio de Desenvolvimento do Nordeste,  considerou a atitude do governador de São Paulo "lamentável".

"O entendimento sempre foi o Brasil numa mesma data. Um estado coloca os demais como de segunda categoria", disse o petista.

Em ato simbólico realizado nesta manhã (18) o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello realizou a entrega do primeiro lotes das vacinas que agora seguem para serem distribuidas para todo o país.  Estiveram presentes os governadores ou vice-governadores de 19 estados. O governador João Doria não participou do encontro, mas enviou o vice-governador Rodrigo Garcia (DEM-SP) para participar da cerimônia. 

No domingo (17) o  ministro Eduardo Pazuello, acusou o governador de São Paulo, João Doria de "desprezar a lealdade federativa" e promover uma "jogada de marketing". O ministro ficou irritado com o ato simbólico realizado em São Paulo para vacinar a enfermeira Mônica Calazans, primeira pessoa a receber uma vacina contra a covid-19 no país.

Governador Wellington Dias com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello
Foto: CCom

Fonte: Uol

Dê sua opinião: