PODER

Vice-prefeito Robert Rios se afasta da Secretaria de Finanças

Rios realizou exames para se avaliar a necessidade de cirurgia de hérnia de Petersen

Robert Rios Magalhães (PSB), secretário municipal de Finanças de Teresina

Robert Rios Magalhães (PSB), secretário municipal de Finanças de Teresina Foto: Reprodução

Menos de um mês à frente das finanças do município, o vice-prefeito de Teresina, Robert Rios (PSB), vai se afastar do cargo. O pedido de licença da Secretaria Municipal de Finanças já foi assinado. Rios realizou exames para se avaliar a necessidade de uma cirurgia de hérnia de Petersen.

O prefeito de Teresina. Dr Pessoa (MDB), já assinou o Decreto nº 20521, de 25 de janeiro de 2021, nomeando Odimirtes Araújo Costa Reis Neves, tesoureira do Município, que passa a acumular os dois cargos.


O que é hérnia de Petersen?

A hérnia interna, como também é conhecida, trata-se basicamente da migração de parte do intestino, por meio de espaços gerados sinteticamente durante a operação. Normalmente isso acontece depois de o paciente perder muito peso.

Como ocorre?

Para que você entenda essa dinâmica, é preciso visualizar o seguinte: a técnica de By-pass (Bariátrica) é uma das que mais ajuda o paciente a perder peso, porque, a partir dela, o estômago é reduzido consideravelmente.

Depois da diminuição, forma-se uma pequena bolsa — chamada de “pouch”. Além disso, o cirurgião cria um desvio de passagem de alimentos no intestino, por intermédio de uma alça intestinal.

Então, essa alça é cortada e levantada até o “pouch” para a efetuação de uma anastomose, que consiste na união dela com a sutura (costura) do estômago novo. Portanto, automaticamente, cria-se uma mudança na anatomia natural.

Depois dessa reconfiguração estrutural, a alça transpassa um pedaço do intestino grosso. No caso, o cólon transverso, que a parte onde as fezes são formadas.

Então, a partir disso, as alças intestinais (intestino delgado) e o intestino grosso são interligados pelo “meso” ou tecidos gordurosos, à parede abdominal — dorso — do paciente. Dessa maneira, os vasos sanguíneos e linfáticos chegam no intestino, o que possibilita a nutrição desses órgãos.

Entretanto, o contato dos tecidos gordurosos do intestino e da alça intestinal provoca o aparecimento de um espaço durante a cirurgia, denominado de Petersen.

Ou seja, mesmo que o intestino delgado esteja conectado à parede abdominal, existe nessa região uma movimentação normal do abdômen, por isso, em virtude desse deslocamento, algumas partes do intestino podem passar por essa brecha ou Petersen. Logo, isso provoca a hérnia interna.

O tratamento

Após o diagnóstico, a intervenção cirúrgica é o método adotado pelo especialista. Normalmente o procedimento envolve laparoscopia, já que o cirurgião precisa avaliar todo o intestino, bem como todas as brechas geradas na cirurgia, a fim de avaliar a ocorrência de hérnia interna. Depois que o problema é constatado, ele coloca as alças intestinais no local certo e fecha os espaços costurando e selando os defeitos.

A hérnia de Petersen nem sempre causa prejuízo ao paciente e, em alguns casos, ela é assintomática. Porém quando as alças aumentam, por conta da alimentação ou devido à quantidade de alças que passam pelo espaço, as complicações e os sintomas podem surgir.

Fonte: PMT

Dê sua opinião: