Poderes

Quem é Dr. Pessoa, o "tosco" que venceu a arrogância tucana em Teresina

Um homem simples aplicou a mais retumbante das derrotas das urnas na capital

Dr. Pessoa (MDB) saiu vitorioso na disputa no segundo turno da capital

Dr. Pessoa (MDB) saiu vitorioso na disputa no segundo turno da capital Foto: Assessoria Parlamentar

Aos 74 anos, o médico José Pessoa Leal foi eleito prefeito de Teresina no domingo de segundo turno. A dificuldade de expressão não o impediu que o médico,  filho de lavradores, alfabetizado aos 15 anos, aplicasse uma das mais retumbantes derrotas no professor Kleber Montezuma (PSDB), ex-secretário municipal de Educação.

Tido como "tosco" pelos adversários, Dr. Pessoa apostou justamente na simplicidade para superar os obstáculos, inclusive o discurso agressivo e ameaçador dos adversários. Com humildade, prometendo governar para os pobres e desassistidos, o candidato "problema" venceu a arrogância, a soberba dos apoiadores de "Klebão", que representou o grupo político que manda na Prefeitura de Teresina há quase quatro décadas.

Também saíram derrotados o prefeito Firmino Filho (PSDB), o presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, e outros caciques políticos do Piauí, que estavam por trás da candidatura de Montezuma. Dr. Pessoa foi o escolhido de 420.177 teresinenses, ou 62,31% dos votos válidos, contra 142.941 votos (37,69%) de Kleber Montezuma.

Quem é Pessoa?

Nascido na localidade Lagoa da Rosa, no município de Água Branca, no dia 12 de agosto de 1946. Filho dos agricultores Faustino José Leal e Maria Raimunda Leal. Irmão de seis e pai de três. Foi alfabetizado apenas aos 15 anos. Em 1966 mudou-se para o Rio de Janeiro, onde formou-se em medicina pela Faculdade de Medicina de Teresópolis (UNIFESO), no RJ. Especializou-se em Cirurgia Geral, Saúde Pública, Administração Hospitalar, Medicina do Trabalho e é titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões do Rio de Janeiro e Mestre em Saúde da Família, tendo conquistado o direito de pleitear um Doutorado.

Trabalhou como acadêmico em 1975 e a partir de 1978 como médico no estado do Rio de Janeiro. Foi diretor do Serviço de Urgência e Emergência (Pronto Socorro) do Hospital das Clínicas de Teresópolis – RJ; diretor do Serviço de Urgência e Emergência do Hospital Getúlio Vargas, Teresina-PI (Hospital de Ensino); diretor do Hospital Satélite (Diretor Clínico- Clínica Médica), Teresina-PI; desempenhou ainda atividades de ensino como professor concursado de cirurgia geral na Faculdade de Medicina de Teresópolis – RJ (departamento de cirurgias).

Atualmente é professor adjunto em Cirurgia Geral na Universidade Federal do Piauí – UFPI, coordenador do curso de Urgências Médica e Cirúrgicas na UFPI, coordenador de monitores do curso de Urgências Médica e Cirúrgicas na UFPI, membro do Conselho Universitário da UFPI e mestre em Saúde da Família UNINOVAFAPI.

Trajetória política


Dr. Pessoa iniciou sua trajetória política em 1988, quando candidatou-se a prefeito de Lagoinha do Piauí, mas não venceu as eleições. Em 1996 foi candidato a prefeito de Água Branca, mas só conseguiu ser eleito em 2000 como vereador de Teresina e foi reconduzido por três mandatos seguidos, em 2004, 2008 e 2012. Em 2014 foi eleito deputado estadual. Em 2016 disputou as eleições para prefeito e ficou em segundo lugar, com mais de 170 mil votos. Em 2018, candidatou-se ao Governo do Piauí, ficando novamente em segundo lugar e obtendo, na capital, 40 mil votos a mais que o governador. Em 2020, disputou as eleições para a Prefeitura de Teresina.

Fonte: Assessoria parlamentar

Dê sua opinião: