Professores do Estado iniciam greve por tempo indeterminado

A categoria cobra um reajuste de 12,84% contra 4,17% anunciados pelo governo

Professores do Estado em greve no Piauí

Professores do Estado em greve no Piauí Foto: Sinte

Professores e servidores da Secretaria de Estado da Educação iniciaram nesta segunda-feira (10) uma greve por tempo indeterminado. Com faixas e cartazes, dezenas de professores estão na frente do Palácio de Karnak, cobrando um reajuste de 12,84% contra os 4,17% anunciados pelo Governo do Estado.

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica Pública do Estado do Piauí (Sinte), Paulina Almeida, explica que o valor anunciado pelo governo não contempla a categoria. “Queremos que o governo discuta com a categoria, pois não foi discutido nada", reclamou a presidente.

Em nota, o governo prometeu encaminhar à Assembleia Legislativa Mensagem propondo um piso de R$ 3.167,17 para professor com 40h. O valor é superior ao piso nacional – fixado em R$ 2.886,24.

Os professores permanecem acampados na frente do Karnak, enquanto uma comissão de servidores tenta uma audiência com o governador Wellington Dias.

Fonte: Paulo Pincel

Dê sua opinião: