Poderes

Governo adota medidas mais rigorosas após aumento do número de mortes por Covid-19

Anúncio foi dado pelo governador Wellington Dias após de reunião com o COE Ampliado

O número de óbitos pela Covid-19 volta aumentar no Piauí

O número de óbitos pela Covid-19 volta aumentar no Piauí

Após aumento significativo de casos confirmados e óbitos decorrentes da Covid-19  no Piauí, o governador Wellington Dias anunciou, na tarde desta sexta-feira (16), que as ações de fiscalização, em especial nos locais onde são realizados atos políticos, serão ampliadas em todo o estado.

Anúncio veio após investigação do Centro de Operações Emergenciais do Piauí (COE-PI) e da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) com o objetivo de buscar entender os motivos que ocasionaram o crescimento na incidência de casos de Covid-19 nos últimos dias.

“Finalizei há pouco reunião com o Comitê de Organização Emergencial Ampliado Covid-19. Precisamos da colaboração de todos em mais esta etapa da luta contra o coronavírus. Integrados com o Tribunal Regional Eleitoral e o Ministério Público, vamos ampliar as fiscalizações, principalmente nas campanhas políticas. Bares e restaurantes serão fiscalizados pela Vigilância Sanitária”, pontuou Wellington. 


Governo teme “segunda onda”

Na primeira semana do mês de outubro, o secretário  de Saúde do estado do Piauí, Florentino Neto, chamou a atenção para o aumento no número de casos registrados da Covid-19, no Piauí.

De acordo com o gestor, devido a flexibilização das atividades no Estado, já foi possível perceber um aumento no número de casos da doença, o que ameaça uma “segunda onda” na proliferação do vírus.

Conforme os dados oficiais, somente na primeira semana do mês de outubro o Piauí já havia registrado 2.309 casos confirmados da Covid-19 e, ao todo, já somava  96.849 casos confirmados da doença.

Dê sua opinião: