Câmara Teresina

Vereadores discutem a criação de rede de apoio às pessoas com sequelas da Covid-19

Foi discutida a criação de uma rede de atendimento para reabilitação para pessoas com sequelas da Covid-19

Vereadora Pollyanna Rocha (PV)

Vereadora Pollyanna Rocha (PV) Foto: CMT

Para debater a criação de uma rede de apoio às pessoas com sequelas da Covid-19, a Câmara Municipal de Teresina realizou, nesta segunda-feira (12), uma audiência pública com especialistas em saúde mental e fisioterapia. A AP foi transmitida ao vivo pelo canal da Câmara Municipal de Teresina no YouTube. O debate foi uma iniciativa dos vereadores Pollyanna Rocha, Venâncio Cardoso, Luís André e Alan Brandão.

A proposta da audiência pública é encontrar caminhos para a criação de uma Rede de Atendimento na modalidade de reabilitação para pessoas que foram vítimas e ficaram com alguma sequela devido à Covid-19. O foco da reabilitação seria a saúde mental (com psicólogos e psiquiatras) e física (através da fisioterapia).

O tema foi discutido porque é crescente o números de teresinenses que apresentam problemas como depressão e ansiedade, além de dificuldades para respirar, falar e dormir após terem se recuperado do coronavírus.

 Participaram agentes públicos e institucionais que poderão contribuir com a resolução deste problema, que deve ser debatido com afinco e urgência.

Segundo a vereadora Pollyanna Rocha, que também é presidente da Comissão de Meio Ambiente, Saúde, Saneamento Básico e Assistência Social da Câmara, a audiência pública joga luz sobre a importância do tratamento pós-Covid. “Esta é uma doença nova e ainda sabemos muito pouco sobre ela. No entanto, já temos conhecimento que as sequelas físicas e mentais existem e é preciso focar na reabilitação para oferecer melhor qualidade de vida aos teresinenses que foram contaminados pelo vírus, mas sofrem os efeitos do pós-Covid”, pontuou Pollyanna Rocha.

Para o vereador Venâncio Cardoso, o pós-Covid merece bastante atenção. “Muitas pessoas vão se recuperar desta doença e desenvolver sequelas psicológicas ou físicas, mas não terão condições financeiras de se cuidar. Pensei nisso quando estive em recuperação devido à Covid-19, conversando com a equipe médica que cuidava de mim de outros pacientes. A ideia da Audiência Pública é justamente debater com sinceridade se há capacidade do município oferecer essa rede apoio ao povo de Teresina por meio da FMS”, explica o vereador Venâncio, que chegou a ser internado por conta da Covid-19.

Fonte: Câmara Municipal de Teresina

Dê sua opinião: