Câmara Teresina

Vereadora Thanandra vai processar a direção do Zoobatânico pela morte do macaco Chico

Macaco prego morreu no Zoobotânico de Teresina, para onde foi levado por ordem da Justiça

Thanandra com Chico e Caco: maus tratos e morte

Thanandra com Chico e Caco: maus tratos e morte Foto: Arquivo pessoal

Chico, um dos macacos resgatados pela vereadora Thanandra Sarapatinhas, então estudante do curso de formação da Polícia Militar do Maranhão, morreu em novembro do ano passado, no Zoobotânico de Teresina, para onde foi levado por ordem da Justiça.

A vereadora, que só soube da morte de Chico nesta semana, conseguiu uma ordem judicial para levar de volta o outro macaco, o "Caco", que também está doente, estressado, debilitado e anêmico, segundo os próprios funcionários do Zoobotânico.


Thanadra Sarapatinhas com Chico
Foto: Arquivo pessoa
l

"Hoje recebi o equivalente a uma facada nas minhas costas: a notícia da morte do meu macaco, Chico, que foi tirado dos meus braços pela Justiça e morreu no lugar que disseram que seria melhor pra ele do que junto a mim. ue dor, minha gente. Que dor! Estou indo agora buscar o Caco, meu outro macaco, que está doente, debilitado e anêmico no mesmo local. Parece um pesadelo: resgatei os dois no Maranhão, quando eu ia fazer concurso da Polícia lá e os vi amarrados e comendo esgoto. Consegui a autorização judicial como fiel depositária, criei um espaço amplo no meu sítio, para poder dar todo o amor e atenção que eles mereciam. Por causa de denúncias mentirosas e infundadas, além de muita perseguição, o Judiciário tirou os meus macacos dos meus cuidados e os levou ao Zoobotanico. E o desfecho dessa história é esse: morte e doença. Quem vai pagar por isso? Quem é o responsável? O Chico nunca mais vai viver. Morreu longe de mim, talvez pensando que foi abandonado. Meu coração está em luto e revolta", escreveu a vereadora no Instagram.




.Caco foi levado de volta para casa por ordem da Justiça
Foto: Instagram


"Vejam o local insalubre em que o meu amado macaco Caco estava quando o resgatei do Zoobotanico! Gente, que revolta! Vocês não imaginam a dor em ver ele assustado e debilitado assim. Por pouco, acredito que ele poderia ter o fim do Chico, que foi tirado de mim por ordem judicial, levado para ficar sob a responsabilidade do Parque Zoobotânico e morreu! Fui atrás de um veterinário especializado para me explicar o que os termos técnicos do laudo cadavérico significavam e cada palavra constatada foi um baque maior do que o outro para mim. Primeiro, porque descobri que ele morreu ainda em novembro do ano passado. Pasmem! Esse tempo todo me omitiram essa informação. Eu já tinha a ordem para que me entregassem novamente e não entregavam porque ele já não estava vivo. Depois porque pude saber que, na prática, o Chico teve uma infecção – septicemia – que não foi identificada e muito menos tratada em fase inicial e que, portanto, se espalhou para o restante do corpo, chegando em um ponto que os órgãos dele pararam. Quero saber o motivo pelo qual deixaram o meu filho morrer desassistido e negligenciado dessa maneira. As imagens da jaula onde estavam são apenas mais uma prova disso. Vou à Justiça!  Agora, a minha luta será para recuperar a saúde do Caco. O pobrezinho está traumatizado, com medo e com muitos sinais de estresse e magreza. Tenho fé que ele vai se adaptar de novo à vida que ele merece aqui com a minha família", acrescentou a vereadora.


Caco, antes de ser levado e no local onde era mantido no Zoobotânico
Foto: Arquivo pessoal

Fonte: Instagram

Dê sua opinião: