Câmara Teresina

Vereador Dudu se reúne com representantes do Sindicato dos Técnicos de Enfermagem

Categoria ameaça paralisação por falta de pagamento de adicional de insalubridade após corte de 50% do valor dos plantões e de 20% da insalubridade

Vereador Dudu, presidente da CCJ na Câmara Municipal de Teresina

Vereador Dudu, presidente da CCJ na Câmara Municipal de Teresina Foto: Assessoria Parlamentar

O vereador Edilberto Borges, o Dudu (PT) recebeu, nesta segunda-feira (1), os representantes do Sindicato dos Técnicos de Enfermagem de Teresina. Ele ouviu as suas reivindicações e pretende que a Câmara Municipal participe do diálogo com a categoria para que se possa evitar um paralisação.


A Categoria ameaça uma paralisação neste terça-feira (2), após o corte de 50% do valor dos plantões e 20% da insalubridade nos setores de profissionais que atuam diretamente no combate à Covid-19.

Segundo o parlamentar, uma paralisação da classe seria muito grave neste momento de alta transmissibilidade da covid-19. “Vamos pedir uma audiência e teremos uma reunião virtual com o Dr. Gilberto Albuquerque, presidente da Fundação Municipal de Saúde para evitar que o sistema pare”, disse Dudu.

Em nota, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) negou a  redução de salários dos profissionais que trabalham na área da saúde.V

A Fundação Municipal de Saúde informa que não teve redução real de salários dos profissionais que trabalham na área da saúde de Teresina. Os salários, insalubridade e plantão estão sendo pagos rigorosamente em dia. O que houve foi o fim do acréscimo temporário(até dia 31 de dezembro de 2020)  de 20%  no valor da insalubridade que foi autorizado em  pelo Governo Federal,através do Ministério da Saúde,com aporte de recursos específico para essa finalidade. No caso de segundo turno, também está sendo pago para os servidores cujos setores comprovem a necessidade. A FMS informa ainda que todas as medidas foram discutidas com as diretorias e informadas ao sindicato da categoria.

Dê sua opinião: