Câmara Teresina

Renato Berger descarta saída da liderança do prefeito na Câmara de Vereadores

Boato sobre a saída da liderança do prefeito foram levantados após quórum mínimo necessário para aprovar indicação da administração municipal não ser atingido

Renato Berger (PSD), líder do prefeito na Câmara Municipal de Teresina

Renato Berger (PSD), líder do prefeito na Câmara Municipal de Teresina

O vereador Renato Berger (PSD), líder do prefeito Doutor Pessoa (MDB) na Câmara Municipal de Teresina (CMT), negou os rumores de rompimento com o prefeito da capital, e saída do cargo de liderança do prefeito, após a sabatina para o nome indicado para o comando da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos de Teresina (Arsete), Marcio Allan, não registrar o quórum mínimo para aprovar a indicação. Para aprovar a indicação seria necessário a maioria absoluta da casa, que corresponde a 15 parlamentares.

Logo após a sabatina, que teve de ser adiada para esta semana, o vereador Renato Berger fez declarações onde afirmou se sentir “desprestigiado”, pelos demais vereadores da Câmara Municipal de Teresina, após a falta do quórum necessário para a aprovação do nome indicado pela administração municipal. 

Apesar do constrangimento, Berger destacou que a maioria dos parlamentares não sabia da votação. “Foi falta de articulação minha”, disse em entrevista.

“Tenho um bom relacionamento com todos os vereadores. Acho que todos os vereadores tem entendido a minha maneira de trabalhar, de falar e fazer esse elo de ligação muito bem”.

Sobre os rumores de saída da base de Doutor Pessoa, o vereado também se posicionou: “É mais é fuxico.  Nada que interfira e faça com que o trabalho não seja reconhecido por todos”.

Dê sua opinião: