Poderes

Piauí é primeiro estado a alcançar 20% da população com nova carteira de identidade

Segundo dados do Ministério da Justiça, cerca de 650 mil piauienses teve acesso ao documento

Piauí é o primeiro estado a alcançar 20% da população com a nova Carteira de Identidade Nacional

Piauí é o primeiro estado a alcançar 20% da população com a nova Carteira de Identidade Nacional

A Secretaria da Segurança Pública (SSP), por meio do Instituto de Identificação Digital Félix Pacheco (IIDFP), alcançou o marco de 20% da população com a nova Carteira de Identidade Nacional. Isso equivale a cerca de 650 mil piauienses que agora têm acesso ao documento. Ou seja, a cada cinco pessoas no estado, uma já possui a nova documentação.  


Segundo dados do Ministério da Justiça, o Piauí destaca-se como o primeiro estado do Brasil a atingir esse percentual de emissões. Entre janeiro e junho de 2024, foram emitidas 338.267 carteiras de identidade, um aumento de 86,67% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando foram emitidas 181.215 carteiras entre janeiro e junho de 2023.


O diretor do Instituto de Identificação, Marcelo Mascarenha, comentou que esse marco reflete o compromisso do Estado em facilitar o acesso dos cidadãos a este documento essencial para o exercício pleno da cidadania. "Nossa meta agora é que, até o fim do ano, cheguemos a um terço da população, e por isso o governador já autorizou a abertura de 120 novos postos que serão distribuídos entre as cidades do Piauí”, destaca o gestor.


Atualmente, o instituto possui 83 unidades de serviços digitais distribuídas por 73 municípios, garantindo que a população tenha acesso fácil e rápido ao serviço de emissão da nova carteira de identidade.




A primeira via da Carteira de Identidade Nacional é gratuita no Piauí. Para obter o documento, os cidadãos devem apresentar os seguintes documentos obrigatórios: CPF, comprovante de residência e certidão de nascimento ou casamento atualizados.

Fonte: SSP

Dê sua opinião: