Câmara dos Deputados

Moradores denunciam que bombas de drenagem não operam com 100% da capacidade

O deputado federal Merlong Solano foi ao bairro Mafrense e ouviu as famílias alagadas

Deputado federal Merlong Solano conversa com morador no bairro Mafrense, em Teresina

Deputado federal Merlong Solano conversa com morador no bairro Mafrense, em Teresina Foto: Assessoria parlamentar

O deputado federal Merlong Solano (PT) visitou o bairro Mafrense na segunda-feira (3) para conferir a situação das famílias desabrigadas e em situação de risco por conta do aumento do nível dos rios Parnaíba e Poti. A região é a mais afetada com as fortes chuvas que têm ocorrido em Teresina nos últimos dias.

No local, Merlong conversou com moradores do bairro e cobrou da Prefeitura de Teresina o pleno funcionamento das bombas de drenagem, que retiram a água das regiões alagadas e despejam de volta nos rios.

“As águas invadiram casas e deixaram mais de 50 famílias desabrigadas. Conversando com os dirigentes da Associação de Moradores do Mafrense, eles denunciaram que as bombas de drenagem estão funcionando, mas não da maneira como deve ser. Em um caso como esse é indispensável que as nove bombas instaladas no local funcionem plenamente, para evitar que mais famílias percam as suas residências ou mesmo a vida por conta de um problema que poderia ser evitado”, cobrou o deputado.

O deputado federal Merlong Solano foi ao bairro Mafrense e ouviu os moradores
Foto: Assessoria parlamentar


Moradia
Merlong conversou com as 17 famílias que estão alojadas na escola Domingos Afonso Mafrense e advertiu para a necessidade de resolver o mais rápido possível o problema da moradia para as pessoas que perderam suas casas.

“Teresina vive uma situação de emergência. Felizmente pude ver que o poder público já está prestando socorro às famílias. Estão chegando cestas de alimentos, o que é bom. Mas as famílias também precisam de agasalhos, itens de higiene e principalmente resolver a situação das suas moradias, saber onde ficarão instaladas. Elas não podem morar nesta escola. Vamos continuar fiscalizando e ajudando as famílias desabrigadas no que estiver ao nosso alcance”, frisou o petista.

Fonte: Assessoria parlamentar

Dê sua opinião: