Alepi

Produtores de soja recebem cidadania piauiense na Assembleia nesta terça-feira

Alzir Neto, Rafael Maschio e Paulo Dalto serão homenageados no Plenário da Alepi

Parlamentares em evento da Aprosoja-Piauí

Parlamentares em evento da Aprosoja-Piauí Foto: Ascom/Aprosoja-PI

A Assembleia Legislativa do Piauí entrega, nesta terça-feira (21), os títulos de cidadania piauiense a diretores e produtores ligados à Aprosoja Piauí. O presidente da Associação dos Produtores de Soja do Piauí, Alzir Neto; o diretor-executivo Rafael Maschio e ao produtor Paulo Dalto serão homenageados pela Alepi. Antes da solenidade, às 8 horas, a Aprosoja-PI realizará uma assembleia geral aberta à comunidade, no Salão Nobre da Alepi, para apresentar relatório sobre o desenvolvimento do agronegócio piauiense.


Às 10 horas, os homenageados seguirão para o Plenário Waldemar Macedo, para entrega dos títulos de cidadania. As honrarias foram propostas pelos deputados emedebistas Henrique Pires e Zé Santana. 


"São muitas as justificativas dessa homenagem, vou priorizar aqui o investimento de vida dedicado ao Piauí. Rafael, gaúcho de nascimento, já fez muito pelo desenvolvimento do nosso estado com dedicação de tempo e trabalho incansável. Dedicou tempo para buscar conhecimento em uma das melhores escolas de Ciências Agrárias do Brasil, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ), e poderia estar aplicando em qualquer lugar do mundo em sua área, mas continua no Piauí, terra que sua família abraçou e da qual sei que já se consideram filhos de fato e de direito", afirma o deputado Henrique Pires.

Homenageados

Natural da Paraíba, Alzir Neto está em seu segundo mandato como presidente da Aprosoja e é um dos maiores defensores do crescimento econômico do cerrado piauiense. Convive com o desenvolvimento do agronegócio no Piauí desde criança e já foi homenageado em Baixa Grande do Ribeiro pela Câmara Municipal com título de cidadão honorário do município. 

Rafael Maschio é natural da cidade de Tapejara, Rio Grande do Sul, e reside no Piauí desde os 13 anos, na cidade de Bom Jesus. É engenheiro agrônomo formado pela Universidade Federal do Piauí, pós-graduado pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz.

Paulo Dalto é paranaense e é um dos precursores do plantio de soja no Piauí, mais precisamente na região de Sebastião Leal, há mais de 20 anos. Construiu a Fazenda Chapadão do Céu, uma das mais promissoras da região.

Fonte: Alepi

Dê sua opinião: