Alepi

Gessivaldo Isaías quer atendimento prioritário para pessoas com obesidade mórbida

A proposta prevê que o atendimento prioritário deverá ser garantido através de distribuição de senhas preferenciais e atendimento especiais

Deputado estadual Gessivaldo Isaías (Republicanos)

Deputado estadual Gessivaldo Isaías (Republicanos) Foto: Reprodução

O deputado estadual Gessivaldo Isaías apresentou nesta quinta-feira (4), um Projeto de Lei, na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), que determina o atendimento prioritário e a acessibilidade de pessoas com obesidade mórbida aos serviços dos estabelecimentos bancários, comerciais, órgãos públicos e outros serviços que importem em atendimento através de filas, senhas ou outros métodos similares.

O parlamentar explica que a obesidade tem atingido um grande número de pessoas, de todas as idades, é que a doença traz sérias limitações. “Pessoas obesas apresentam limitações de movimento devido ao sobrepeso e à sobrecarga da estrutura, principalmente nos pés e nas articulações. Assim sendo, o objetivo primordial deste projeto é preservar direitos fundamentais de homens e mulheres obesidade mórbida.”

A proposta prevê que o atendimento prioritário deverá ser garantido através de distribuição de senhas preferenciais e atendimento especiais, para evitar ao máximo o deslocamento e permanência em pé das pessoas com obesidade mórbida nos estabelecimentos. Os órgãos deverão destinar no mínimo um assento com dimensão, resistência e conforto compatíveis às pessoas com obesidade mórbida, em área identificada visualmente como sendo exclusiva para os beneficiados.

Considera-se pessoa com obesidade mórbida aquela com Índice de Massa Corporal – IMC maior ou igual a 40 kg/m², sendo considerada como grau III.

Fonte: Alepi

Dê sua opinião: